29 de junho de 2022   |   07:47  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

BR 364: DNIT recebe parlamentares do Acre e fala das medidas de manutenção

Deputado Federal Alan Rick e Senadores do Acre se reuniram com o General Santos Filho, que visitou o Estado e trafegou pela rodovia.

_________________Publicidade_________________

O Deputado Federal Alan Rick (União-AC) e os Senadores Sérgio Petecão (PSD-AC) e Eduardo Velloso (União-AC) se reuniram com o Diretor-Geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), General Santos Filho, nesta quinta-feira, 02, em Brasília.

Na pauta, as medidas de manutenção da estrada neste ano e a futura reconstrução do trecho de cerca de 400 quilômetros da BR-364. O Diretor contou aos parlamentares que visitou o Acre e trafegou pela estrada que, além dos buracos, tem pontos com erosão grave. “Confesso que fiquei preocupado. A rodovia já está em colapso. Inclusive as placas de sinalização das erosões estão em estado precário, aumentando o perigo para os motoristas que trafegam pelo local”, lamentou.

Alan Rick alertou a Santos Filho que a estrada precisa de uma solução definitiva. “Já esteve muito pior. Foram feitos reparos paliativos recentemente, mas, em razão das características do solo do leito da estrada, apenas uma reconstrução total desse trecho resolverá o problema dos buracos e da erosão”, destacou.

O Diretor do DNIT informou que aguarda a aprovação de um Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN), que permite ao Poder Executivo fazer remanejamentos orçamentários. Desta forma o órgão terá recursos para realizar as obras de manutenção da BR, estimadas em R$ 100 milhões para 2022. Há expectativa de que este PLN seja votado agora em junho, no Congresso. Já, para a reconstrução da rodovia, o DNIT estima um investimento de mais de R$ 1 bilhão. O projeto da obra já está em andamento e deverá ser concluído em dois anos.

Os congressistas também trataram com o General sobre as obras do anel viário de Brasiléia, orçada em R$ 64 milhões. R$ 20 milhões já foram viabilizados pela Bancada Federal do Acre e são necessários, pelo menos, mais R$ 15 milhões este ano para continuidade da obra.

O deputado Alan Rick já se reuniu e pediu apoio ao novo relator do Orçamento, deputado Hugo Leal (PSD/RJ) que, juntamente com o ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, estão empenhados em atender o Acre.

A Ponte de Rodrigues Alves, para a qual há também uma emenda da Bancada no valor de R$ 12 milhões, para 2022, também foi discutida. A equipe técnica do DNIT informou que não será possível utilizar o recurso, em 2022, porque o anteprojeto ainda não está concluído. Dessa forma, o início da execução ficará para 2023.

Via Assessoria

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS

AS ÚLTIMAS

top 10 mais lidas