11 de agosto de 2022   |   21:21  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Após revelar que teve WhatsApp hackeado, Luva de Pedreiro reclama que perdeu acesso à conta do TikTok

Influenciador informou nas redes sociais que somente a agência do seu ex-empresário possuía os dados do aplicativo.

_________________Publicidade_________________

Horas após revelar que teve a conta do WhatsApp hackeada, o influenciador Luva de Pedreiro, conhecido pelos bordões “Receba” e “Graças a Deus, pai”, voltou as redes sociais para reclamar que perdeu o acesso à conta dele oficial no TikTok. Reclamações aconteceram neste domingo (26).

“Fala minha tropa, aí é esculhambação aí galera, fala verdade, eu não estou nem mexendo no TikTok po, está pedindo senha para entrar no TikTok agora. Só quem sabe a senha é o pessoal lá, meus ex-empresários lá”, contou o baiano.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

“Aí é esculhambação, parceiro. Comecei no TikTok sozinho, com Deus, todo mundo sabe aí, oxe”, desabafou.

 Foto: Reprodução/Redes Sociais

Briga

O futuro de Luva de Pedreiro, o influenciador de futebol mais seguido do Instagram, tem sido alvo de especulações dos fãs desde o início da semana nas redes sociais.

A polêmica começou após o jovem baiano anunciar uma pausa na gravação de vídeos, e fez com que o empresário responsável por sua carreira, Allan de Jesus, viesse a público na última quinta (23) para explicar contratos de publicidade que ainda não foram pagos ao influenciador.

O anúncio de pausa na carreira foi feito por Iran Ferreira, o Luva de Pedreiro, no último domingo (19). Em um vídeo publicado em suas redes sociais, o jovem baiano se mostrou irritado com as cobranças que vinha sofrendo, o que preocupou os fãs.

Após a postagem, começaram rumores de que o influenciador teria rompido contrato com o empresário Allan de Jesus, responsável por gerenciar sua carreira.

Allan de Jesus se manifestou sobre o caso pela primeira vez na última quarta-feira (22). Ele disse que seu contrato com Iran Ferreira, o Luva de Pedreiro, vale até 2026. Allan informou ainda que a empresa dele, a ASJ Consultoria, não tinha recebido qualquer comunicado sobre uma tentativa de rescisão.

Por g1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS