Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Após professora e filha serem abusadas, Horto Florestal passa a ter rondas policiais nas trilhas

PM-AC faz rondas no parque após assalto e abuso sexual registrado no último dia 6 em Rio Branco. Prefeitura garantiu que os parques urbanos da capital também terão monitoramento eletrônico.

_________________Publicidade_________________

Após o trágico episódio envolvendo uma professora de 40 anos e a filha dela, de 9, dentro do Horto Florestal no último dia 6, a Prefeitura de Rio Branco anunciou que o parque vai ter policiamento motorizado da Polícia Militar e também a instalação de câmeras eletrônicas.

Em entrevista à Rede Amazônica Acre, o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, pediu desculpas e lamentou o ocorrido dentro do parque e destacou que está tomando providências para evitar novos casos. “A partir de agora vamos tomar novas providências, vamos colocar o pessoal da segurança. Infelizmente aconteceu, mas espero em Deus que não aconteça mais”, resumiu.

Durante um piquenique no feriado da Revolução Acreana, a professora, a filha, um sobrinho, de 2 anos e outra criança de 9 viveram momentos de terror dentro do horto. Dois homens encapuzados e armados abordaram a família, tomaram os pertences, bateram nas vítimas e ainda abusaram sexualmente da professora e da filha dela.

O crime ocorreu no período da tarde, quando a família caminhava por uma das trilhas. Os criminosos saíram de dentro da mata. “Encostaram duas armas na gente, pediram para baixar a cabeça, nos levaram para dentro da mata e começaram a pegar em nossas partes íntimas, da minha filha também. Bateram em mim, na minha filha, fiquei com o rosto, pescoço e nariz machucados”, relembrou.

Policiamento

O chefe do gabinete militar da prefeitura, tenente-coronel Ezequiel Bino, disse que já fez o contato com a Polícia Militar e já foram disponibilizadas equipes para fazer rondas dentro das trilhas. “Isso vai permanecer [as rondas], indefinidamente até que tenhamos um sistema de monitoramento para garantir que as pessoas tenham mais segurança”, contou.

O prefeito Tião Bocalom afirmou que a segurança no local já era tratada antes do ocorrido com a família. Segundo ele, todos os parques da capital acreana devem ter monitoramento eletrônico.

Horto também terá monitoramento eletrônico em Rio Branco — Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre

Horto também terá monitoramento eletrônico em Rio Branco — Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre

“Além de ter a segurança no parque onde aconteceu, também vamos ter no Parque Chico Mendes. Vamos trabalhar nesses dois parques que são muito movimentados. Mais uma vez, desculpa pelo acontecido, mas que a prefeitura está fazendo de tudo para cuidar disso. Os policiais vão trabalhar lá dentro do banco de horas dos recursos que a prefeitura repassa para a PM”, pontuou.

Por G1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas