Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Após mais de 1 ano, influenciadora acreana Ludmilla consegue guarda da filha

_________________Publicidade_________________

Após um ano e um mês longe da filha e de meses de luta pela guarda da pequena Antonella, a digital influencer Ludmilla Cavalcante venceu o processo na justiça contra o ex-companheiro que interior do São Paulo (SP), onde está com Antonella, conseguiu a guarda unilateral da filha. Isso significa que agora a menina terá que voltar para o Acre para a companhia da mãe e de sua irmã.

A notícia foi dada por Ludmilla em seu intagram ao compartilhar trecho da decisão judicial: “A verdade é apenas UMA! Guarda unilateral da Antonella é MINHA. Depois de 1 ano e 1 mês sendo desrespeitada, humilhada e excluída da vida da minha filha por pessoas sujas e sem coração, o inferno ACABOU! A Antonella vai voltar para casa”, escreveu a influenciadora.

Relembre o caso

A menina está com o pai desde setembro de 2020,  quando Ludmilla, que estava grávida da segunda filha, e o ex-companheiro combinaram que ele ficaria com a menina até o parto em novembro do ano passado, mas ao chegar em São Paulo, o homem deu entrada na guarda provisória sem que Ludmilla soubesse,  e impedia Antonella de voltar para o Acre. Ludmilla afirma que era impedida de ter contato com a filha e o máximo que conseguia era por  videochamada. Ela alega ainda ter sido excluída da vida da criança.

Com a dificuldade de conseguir vera a filha, a influenciadora  expôs o caso nas redes sociais, com vídeos contando a sua história e com a hashtag #JustiçaPorAntonella, seguidores passaram a compartilhar sua história que foi divulgada nacionalmente.

Via – Contilnet

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas