Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Aleac aprova projeto do governo que doará computadores e pacote de internet aos educadores

Assim os educadores poderão desenvolver as suas aulas nas diversas disciplinas utilizando novos recursos tecnológicos.

_________________Publicidade_________________

SECOM

Os professores da Secretaria de Estado de Educação receberão do governo computadores novos e pacotes de internet. Assim os educadores poderão desenvolver as suas aulas nas diversas disciplinas utilizando novos recursos tecnológicos. O projeto que autoriza a doação foi aprovado pelos deputados estaduais na sessão da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) desta quarta, dia 1º.

O presidente da Aleac, deputado Nicolau Júnior (PP) comemorou a aprovação do projeto Foto: Agência Aleac.

As doações das novas ferramentas aos professores estaduais significam um investimento do Estado de mais de R$ 44 milhões. Os professores receberão cerca de R$ 4,5 mil reais para a compra de computadores portáteis e mais R$ 1,8 mil, divididos em 18 parcelas, para adquirirem pacotes de internet.

O presidente da Aleac, deputado Nicolau Júnior (PP) comemorou a aprovação do projeto: “A doação mostra o compromisso do governador Gladson Cameli com os professores efetivos e provisórios e irá fortalecer a educação como um todo. É uma satisfação a Aleac estar aprovando um projeto dessa importância. Todo o recurso ficará ficará aqui mesmo no estado, porque os professores irão comprar os seus equipamentos nas lojas do Acre. Isso ajudará o comércio, fortalecendo ainda mais a nossa economia”, pontuou Nicolau.

rojeto que autoriza a doação foi aprovado pelos deputados estaduais na sessão da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) desta quarta, dia 1º. Foto: Agência Aleac.

O relator do projeto, deputado estadual Daniel Zen (PT), que já foi secretário estadual de Educação em outras gestões, avaliou a importância do investimento: “Esse projeto de lei tem suma importância em função da suspensão das aulas presenciais durante a pandemia e vai introduzir o elemento da tecnologia na educação básica. Os professores terão a possibilidade de comprar com recursos do Estado os seus equipamentos e também custearem o uso da internet. Eles já vinham fazendo isso com recursos próprios, muitas vezes, comprometendo o orçamento doméstico”, avaliou o relator.

Zen explicou ainda que o projeto do governo foi amplamente debatido até chegar à sua redação final. “Isso é um grande avanço para os professores. Aperfeiçoamos vários pontos do projeto para que pudesse beneficiar o maior número possível de educadores”, destacou o deputado.

O líder do governo na Aleac, deputado Pedro Longo (PV), também ressaltou a importância do projeto aprovado para a melhoria da educação no Acre. “São mais de R$ 44 milhões que o governo vai investir no aperfeiçoamento da educação no Acre. E principalmente será um investimento feito diretamente em parceria com os trabalhadores em educação. Esse projeto vai alcançar a imensa maioria dos professores, inclusive os temporários, que terão condições de aprimorar as suas aulas com esses equipamentos”, disse o parlamentar.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas