Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Acre pega carona em consórcio do Nordeste e compra 700 mil doses da Sputnik V

O governador Gladson Cameli (Progressistas), anunciou na noite desta sexta-feira, 19, a aquisição de 700 mil doses da vacina Sputnik V, da Rússia. A compra só foi possível após os estados do Acre, Amazonas, Roraima, Rondônia, Tocantins, Amapá, Mato Grosso e Pará aderirem a uma carona do Consórcio do Nordeste.

Ao total, os oito estados citados acima, irão adquirir 8,2 milhões da vacina Sputnik V. Desse montante, Pará ficará com 3 milhões de doses, Mato Grosso 1,2 milhão de doses, Amazonas e Rondônia, ambas 1 milhão, Acre – 700 mil doses, Tocantins – 600 mil doses do imunizante, Amapá – 450 mil e Roraima – 200 mil doses.

A adesão dos Estados ao Consórcio do Nordeste foi intermediada pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). Cada estado do fórum assina o acordo para viabilizar o negócio. A dose sairá a US$ 9,95, cerca de R$ 56.

O cronograma de entrega, segundo os termos da negociação informada pelo Fórum de Governadores, começa em abril, com 2 milhões de doses, que serão divididas proporcionalmente entre os Estados que integram o Consórcio. Depois mais 5 milhões em maio, 10 milhões em junho e 20 milhões em julho. Há a possibilidade de o montante de 5 milhões ser antecipado para maio, de acordo com o consórcio.

O acordo dos governadores para a compra das vacinas foi celebrado com o Fundo Soberano Russo. A Sputnik V ainda não tem registro de uso no Brasil — nem mesmo emergencial. A expectativa é que em breve a farmacêutica representante do laboratório russo no Brasil, União Química, providencie a documentação completa para apresentar à Anvisa sobre os estudos já feitos com o imunizante.

Via-Ac 24 horas

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas