Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Acre não tem fila de pacientes na espera por leitos de UTI

Nos últimos dias, o número de casos novos da Covid-19 tem diminuído. Já tinha se tornado habitual o registro diário de mais de 400 novas pessoas infectadas nos boletins divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde. Com os casos em alta, o impacto acontece principalmente nas unidades de saúde, que com mais gente doente precisa disponibilizar mais leitos. Exemplo é que o governo foi obrigado a transferir pacientes para Manaus por falta de leitos de UTI no Acre.

Por isso, infelizmente se tornou comum a fila de pacientes à espera de um leito de Unidade de Terapia Intensiva. Durante muitos dias, o número desses pacientes foi alto, chegando a ter 20 pessoas na fila por uma vaga. Um claro exemplo de que a saúde acreana havia entrado em colapso.

A boa notícia é que nos últimos dias, o número de casos novos diminuiu consideravelmente, apesar de ser considerado ainda muito alto. Do boletim do último domingo até o boletim desta terça-feira, 27, foram registrados 400 novos casos da doença, o que significa uma média de 133, 3 novos casos diários.

A baixa no número de casos reflete na diminuição da procura por atendimento e na redução de casos mais graves. Pelo menos, desde o último sábado, 24, que não há fila de espera por vagas em UTI. De acordo com o boletim divulgado nesta terça, dos 106 leitos de UTI existentes na saúde pública acreana, 97 estão ocupados. No INTO, que detém quase que metade dos leitos, das 50 vagas disponíveis, 46 estão com pacientes nesta quarta-feira, 28.

Via-Ac 24 horas

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas