Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Acre é quinto estado com maior número de mortalidade infantil do país, diz Abrinq

Dados integram o site Observatório da Criança e do Adolescente, mantido pela Fundação Abrinq e leva em consideração dados de 2019 e aponta uma taxa de 15,9 mortes para cada mil nascidos vivos.

O estado acreano é o quinto com a maior taxa de mortalidade infantil do país, segundo mostram dados da edição de 2021 do Cenário da Infância e da Adolescência no Brasil. A publicação foi divulgada pela Fundação Abrinq nesta semana.

Os dados integram o site Observatório da Criança e do Adolescente, mantido pela fundação e leva em consideração dados de 2019 e aponta uma taxa de 15,9 mortes para cada mil nascidos vivos no Acre.

Os dados apontam que o Acre fica atrás apenas dos estados do Amapá (18,8); Roraima (18,1); Sergipe (17,3) e Amazonas (16).

Com os maiores índices do país, os estados ficam acima da média nacional que é de 12,4 e até mesmo da região norte que teve uma taxa de 15,1.

Em 2018, o estado também figurava no grupo dos cinco com maiores índices do país com 16,5, o que mostrava um aumento em relação a 2017 que marcou 13,6.

No Brasil, a probabilidade de um recém-nascido não completar o primeiro ano de vida era de 12,2 em 2018, essa perspectiva diminuiu em 2019, quando a taxa foi para 12,4.

Via: G1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas