CRUZEIRO DO SUL, AC

Juruá FM 100,9 - Ao Vivo
Últimas notícias

Estudante de 15 anos é assassinada com requintes de crueldade em Mâncio Lima

Publicado em 10/12/2011 - 18:25 | Por jornalismo

Adolescente teve as mãos decepadas e o pescoço quase decapitado ao retornar da escola. Dupla acusada da barbárie já está presa.

O crime que aconteceu no início da noite de sexta-feira (9) abalou a população de Mâncio Lima, município localizado a 36 quilômetros de Cruzeiro do Sul, no interior do Acre.

A adolescente Rosinalda da Silva Souza, retornava da escola pelo Ramal do Havaí, zona rural do município, onde morava com a família, quando foi abordada por Oceir do Nascimento Rosa, 25 anos e um menor de 17 anos. Os dois levaram a moça para um matagal.

De acordo com a investigação, o menor desferiu o primeiro golpe de facão que decepou a mão direita da vítima e deixou a outra mão pendurada. Em seguida, Oceir se encarregou de consumar o crime com outras várias terçadas que atingiram o pescoço e o maxilar da garota.

Um sobrinho da vítima que estava vindo da escola e presenciou o movimento, ainda foi perseguido pela dupla, mas conseguiu fugir.

A família ficou sabendo do caso pelo acusado menor de idade. Ele se encarregou de avisar que a moça tinha sido raptada por um homem de barba. Parentes da garota fizeram buscas e encontraram o corpo dentro do matagal. Instantes depois, o estudante sobrinho da vítima, que também foi perseguido, trouxe a informação de que o menor era um dos responsáveis pela morte de Rosinalda.

A Polícia Militar de Mâncio Lima foi acionada, mas teve muita dificuldade para chegar à comunidade devido aos atoleiros na estrada. A equipe do IML de Cruzeiro do Sul que levava os peritos não conseguiu chegar ao local e aguardou pela Polícia Militar que fez o resgate do corpo.

O menor acusado do crime foi apreendido e levado à Delegacia de Mâncio Lima. Ameaçado por Oceir do Nascimento Rosa, ele chegou a afirmar que tinha executado a jovem sozinho, mas durante o depoimento ao delegado, Roberto Lucena, confessou a participação do Oceir.

O delegado formou uma equipe e se dirigiu à comunidade onde realizou a prisão do Oceir no sábado (10) pela manhã. O homem já tem passagens pela polícia e estava em liberdade condicional.

O que motivou o crime

Segundo os moradores da comunidade, a dupla era acostumada a cometer furtos e ameaçar as pessoas. Recentemente o menor tinha sido acusado de furtar um aparelho de DVD da família de Rosinalda e passou a ameaçar a garota, porque ela teria o acusado do furto. Já Oceir, não gostava da estudante porque era afim da moça e ela não aceitava ficar com ele.

Na delegacia os dois confirmaram a motivação e afirmaram que já vinham planejando o crime. Os dois relatam com frieza o momento da abordagem e as reações desesperadas da vítima que não teve chances de defesa. “O Oceir agarrou ela e trouxe, aí falou pra mim, agora faz o que tu tem que fazer. Eu dei o primeiro golpe que rolou as duas mãos, ela deu um grito e aí  ele (Oceir) deu mais umas dez terçadadas”, narra o jovem.

Genival Moura do Site Juruá Online

Deixe seu comentário